quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Placa arrombada... sinal à porta!

Em condições normais, o dia de hoje seria por mim especialmente recordado como o dia que assinala o aniversário do grande Pantera Negra, Eusébio! Porém, há uns tempos dei-vos conta que uma certa placa de dimensão algo generosa me proporcionou uma ida ao HOSPITAL para suturar a cabeça, depois de um inesperado "tête-a-tête" com ela em plena luz do dia! Ora, passados precisamente dois anos sobre esse episódio, informo-vos de que os serviços camarários locais já cuidaram de precaver novos embates, sinalizando expressamente minha proibição de nela voltar a "estacionar"...
... de CABEÇA!!

22 comentários:

Belinha disse...

Ahahahahahah mt boa:D Mas cheira-me que mesmo assim ainda és capaz de tornar a sofrer o mesmo prob, desta feita com a nova placa...

Karochinha disse...

Agora bates (ai desculpa, enganei-me) "estacionas" de cabeça na placa mais pequena, talvez o "embate" seja mais meiguinho...(o que eu já me ri com isto)
Beijocas divertidas ;)

desejo disse...

Os cidadãos devem cumprir as regras de segurança...
Parabéns ao nosso Eusébio.


:)

Bernardo disse...

muito boa :D



http://www.facebook.com/pages/Apontamento/148429151889831

SuperSónica disse...

Muito bom!!!!! Tu sim és o cidadão exemplar....

TERESA SANTOS disse...

Bateu com a cabecinha, foi?

Ah, pobrezito!...

Pois, não te justifiques!
Todos sabemos que ias a pensar numa certa menina de olhos verdes, o que só te fica bem!

De que lado da cabecinha foi? Do lado direito? Ok!

Então o menino Bloguótico, da próxima vez que lá passar, vira-se em sentido oposto, exactamente, o lado esquerdo virado para a tão querida placa, volta a pensar na menina dos olhos verdes, e...

... e ei-lo a caminho do Hospital para fazer nova sutura.

É que só assim é que há, eventualmente, muito eventualmente, algum equilíbrio nessa cabeça!

Ui, vou-me embora!

Desejar as melhoras? Ainda é cedo!

só 1 mulher disse...

Bateste ali com a cabeça? ficou tudo baralhado..
:P
deixa lá que eu já consegui bater de cabeça, num poste de um sinal de transito, com um passeio bem largo..

1 beijinho

Estudante disse...

Chiça!... não conhecia essa história! x) deve ter doído pouco, deve...

NI disse...

Uma coisa garanto: a culpa não foi da placa. Ela já lá estava.

:)

Ritinha disse...

LOL
Assim o cidadão comum já se encontra precavido :P

Gasper disse...

Ahaha agora sim, está tudo protegido.

Luzinha disse...

Bloguótico... continuo a não perceber como NÃO VISTE aquela placa enorme! Por isso não acredito que um sinal mais pequeno que a placa sirva para te chamar à atenção!
Anda de capacete... é mais seguro! AHahaha

Marta disse...

Pois...isso justifica muita coisa ah ah ah

A VIDA É UM ETERNO APRENDIZADO disse...

Olá!
Fiquei muito feliz em conhecer o seu blog.
Gosto muito de ler textos e poemas, isso faz com que eu cresça cada dia mais.
A vida se torna interessante, à medida que encontramos pessoas como você.
Grande abraço
Se cuida

Paula disse...

Caramba! Vê lá se não andas à cabeçada a essa placa, senão acho que ficas é sem cabeça!

Sara* disse...

LOLLL
O pior é se fores de noite e não vires a placa lolll

Felina disse...

Engraçado... fui ver os teus 4 pontos, tambem rachei a cabeça no mesmo sitio que tu... só que a mim puzeram me 4 agrafos...

(costumas obedecer a placas?)

Bloguótico disse...

- BELINHA + KAROCHINHA: não tinha pensado as coisas sob esse prisma... creio que o melhor mesmo é evitar passear por aqueles lados! :p

- DESEJO: o problema é "meter" isso na cabeça... à força! :p

- BERNARDO: é isto e a Zon! :p

- SUPERSÓNICA: pois, pois... exemplar foi a minha cabeçada... sem espinhas! :p

Bloguótico disse...

- TERESA SANTOS: andar na rua exige muita concentração... especialmente quando se conhece alguém de olhos verdes em quem pensar!
Quanto à necessidade de novo embate na busca do tal equilíbrio, olha que não está mal pensado o teu plano... só é pena é agora lá haver sinalização vertical a impedir-me de o fazer... sob pena de sanção contra-ordenacional! Ainda assim, quem sabe um dia trate do assunto! :p

- SÓ 1 MULHER: bati, pois... e com estrondo ficando ainda mais baralhado do que aquilo que já era! Fico, porém, mais aliviado por saber que estacionamentos de cabeça como este não acontece só a mim!... começava já a achar que as placas tinham algo contra mim! :p

Bloguótico disse...

- ESTUDANTE: apesar das dimensões da placa e do corte, a verdade é que não senti grandes dores... doeu mais o embaraço o constatar que houve quem presenciasse à cena e quando expliquei ao médico como tudo aconteceu! :p

- NI: já lá estava sim... não só a vi com estes olhinhos que a terra há-de comer, como a senti com esta cabeça que lá embateu! :p

- RITINHA + GASPER: embora o aviso tenha um destinatário específico, acredito que sirva de lição para os demais... e o certo é que, desde então, nunca ouvi falar de mais algum choque do género! :p

Bloguótico disse...

- LUZINHA: a tese que tenho vindo a defender para justificar aquele embate prende-se, precisamente, com o tamanho da placa... ou seja, dado tratar-se de uma placa de grandes dimensões maior é a probabilidade de nela acertar! :p

- MARTA: se não tudo, pelo menos uma grande parte! :p

- A VIDA É UM ETERNO APRENDIZADO: curioso ler um comentário desses num post como este! LOOOL

Bloguótico disse...

- PAULA: creio que vou aceitar o conselho da Luzinha e passar a munir-me de um capacete, pelo sim e pelo não! :p

- SARA*: pois... se de dia já foi difícil vê-la nem quero imaginar de noite! :p

- FELINA: eu sabia que havíamos de ter algo mais em comum! :p
No meu caso, o médico ainda ponderou colocar cola, mas dado tratar-se de um corte já algo profundo optou pela linha! :)
Quanto a obedecer a placas... creio que não sou muito dado a isso... digamos que sou mais de ir ao encontro delas e não ao que elas dizem! :p