terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Fio a mais para tomada a menos...

Junto às tomadas das nossas casas, em particular às que alimentam simultaneamente vários aparelhos, desde televisores a computadores, é frequente haver um tremendo emaranhado de fios que só com o auxílio de uma extensão se torna possível manter com corrente. Acontece que, por mais generosa que seja a extensão, quando o volume de cabos espalhados no chão é de tal modo exagerado nem sempre nela há espaço para todos, pelo que a utilização de certo aparelho fica sempre dependente do desligar de um outro! Agora suponham a seguinte situação, com a qual me deparo constantemente: imaginem já ter preenchidas todas as vagas da dita extensão, restando-vos ainda por ligar as fichas de dois aparelhos. Calculem ainda que, em detrimento de um aparelho já ligado à extensão, pretendem ligar outro dos sobrantes, nomeadamente, o leitor de DVD's! Imaginada a situação, apresento-vos o resultado: diante tão complexo emaranhado de fios - cuja origem já não conseguem apurar - a ficha por que optarem libertar da extensão será, quase sempre, a do televisor... apesar dele precisarem para assistirem ao filme. Corrigida a vaga, não conseguindo estabelecer-se a correspondência entre os fios e os aparelhos que originariamente não conseguiram lugar na extensão, é chegado o momento de optarem pela ficha que julgam pertencer ao que pretendem ver ligado... porém, a primeira escolha há-de recair precisamente por aquela ficha que diz respeito ao aparelho que não querem ligar, garantidamente!!

30 comentários:

Sofia disse...

arranjas uma tv c/ dvd incorporado pa!! é preciso explicar tudo!

NI disse...

Fosga-se, vê-se logo que és homem.

Uma mulher consegue organizar os fios com toda a naturalidade.

:)

Beijo

Nokas disse...

Eu desistia ao fim de 2 segundos :)

Ana disse...

Estou com a Ni, isso é coisa de gajo que não se orienta:)

Candybabe disse...

É sempre assim...
Tens de procurar aquelas tomadas de 3 ou mais, sempre dará para diminuir um pouco a confusão :D

A Minha Essência disse...

Oh céus! Agora até eu fiquei embrenhada nos abstractos fios e afins, livra... Sacaninha! :P

Marta disse...

Sabes que mais? Fiquei como os fios...baralhada :P

Karochinha disse...

Cá em casa não temos desses emaranhados, o meu home desenhou um móvel onde se "escondem" todos esses fios atrás já ligados TODOS a quantas tomadas sejam precisas, com um espécie de fundo falso e com uma caixa em baixo no mesmo móvel onde se "escondem" todos os aparelhos, excepto a tv, como a psp, dvd, box tvcabo, etc....e assim temos tudo arrumadinho, queres ir ver? Está aqui neste link (última foto e podes copiar à vontade, se quiseres até te dou o contacto do sr que os fez):http://iamkarochinha.blogspot.com/2008/12/natal-em-minha-casa.html.
Como vês, é fácil...mas eu tive muita sorte porque o meu home é habilidoso (e comichoso com os fios) para o desenho!
Beijocas nossas ;)

Shell disse...

Tu és muito complicadinho! Bolas :p Miminho para a Sloguótica no meu blog! :D eheh * beijinho

D. disse...

Ainda bem que não sou a única a ficar embrenhadamente baralhada. Irra!

Carla disse...

1Ainda bem que não sou a única :))

Bloguótico disse...

- SOFIA: quer dizer, trata-se da tua primeira abordagem no blogue e deixas-me logo entalado... abusada, pah! :p
Obrigado pela explicação e visita e sê bem-vinda ao "crónica"! :p

- NI: hummm... é impressão minha ou estás a pôr em causa o meu sentido de organização e orientação, menina?! :p

- NOKAS: pois... só não o faço também por uma questão de orgulho! :p

Bloguótico disse...

- ANA: mau mau... essas "alianças" femininas em prejuízo pessoal masculino não são nada simpáticas, cara Anocas! :p

- CANDYBABE: nais do que isso, creio qe a solução passa mesmo por sobrepor extensões sobre extensões... mesmo correndo o risco daquele espaço passar a parecer uma dependência da "chinesa" EDP! :p

Bloguótico disse...

- A MINHA ESSÊNCIA + MARTA: como se percebe, além de complexo, aquele emaranhado é susceptível de provocar curtos-circuitos não só nas tomadas, mas no cérebro de quem o procura resolver! :p

- KAROCHINHA: lá está, quem sabe sabe e o teu "home" sabe tratar da vossa "Home"!... digna de meter inveja à confusão dos meus fios em casa! :p

- SHELL: tinha de ser... tinha de sair bitaite! Seja como for, confesso que já tinha saudades das tuas "picardias"... seja quanto ao "complicadinho" seja quanto à "descriminação" no minho! Seja muito bem regressada, apesar de tudo! Ah, um abraço... para o Sea! :p

Bloguótico disse...

- D.: agora fiquei com a dúvida se esse teu "embrenho baralhado" se deve à situação dos fios, se à minha exposição sobre eles... embora aposte em ambas as teorias! :p

- CARLA: deste mal, creio todos padecermos um pouco! Mais do que uma questão de organização, é uma questão de excesso de aparelhos! :)

Shell disse...

Ranhoso! Voltaaaa Sloguótica!! Tira daqui esta criatura ruim com a mania que tem piada :p

TERESA SANTOS disse...

Ora vamos lá ver como se resolve tamanho problema.

Tu não és um Bloguóticozito, és uma aflição!

É assim:

Pegas na extremidade do fio, naquela ponta que tem uma "coisa" com duas perninhas, sabes, o que é? Pois, nessa mesmo!

Como ia dizendo, pegas no fio e com a tua delicada mãozinha percorres o dito até atingir a outra extremidade, ou seja, o aparelho a que está ligada a tal "coisa" com perninhas.

Depois?
Depois fazes isto com todos os fios e, em simultâneo, vais tentando deixá-los direitinhos.
Difícil?
Sim, mas não impossível!

Depois contas as pontas todas, as tais que têm perninhas, ok?

Estás a acompanhar?

Uf, que canseira!

Depois?

Depois, vestes uma roupinha decente (sim, imagino que andes de calções...) e vais à rua comprar umas coisas que há, compridas, muito compridas, e que têm vários buraquinhos onde vais introduzir as ditas coisas das perninhas...

Depois?

Depois vou-me embora que estou estafada!...

Não há paciência!...

desejo disse...

Nestas cisrcunstâncias, perco a paciência e mando tudo para o caraças. Mas depende da disposição.
Qundo este existe, vai uma a uma o desenvencilhar de cada um deles.

:)

Bloguótico disse...

- SHELLCANINHA: ainda fiquei tentado a censurar o coment para não correr riscos, mas não resisti ao pretexto para poder usar o pseudómino "Shellcaninha" :p

- TERESA SANTOS: entre tanta dica, o que me saltou mais à custa foi essa suspeita a respeito dos calções... Por acaso tens reparado no "griso" que se tem feito sentir?!! De calções no Inverno?! Só se estiver também de calça-meia! :p

- DESEJO: paciência é algo que não me assiste nestas situações! :p

Ritinha disse...

Lei de Murphy em acção :P

Vera, a Loira disse...

Pareces a minha prima, certa altura quando recebemos um comunicado da EDP a informar que ficariamos sem energia na rua durante todo um domingo de manhã "Ainda bem que não vou poder trabalhar, vou ficar a manhã toda na cama a ver televisão"

Vício disse...

quase uma teoria de Murphy :D

D. disse...

A ambas, Bloguótico, a ambas! :))

TERESA SANTOS disse...

De calções sim, porque o esforço aquece, ou só estavas a contemplar?...

Quando puderes, (e te apetecer, claro!) passa pelo "cronicas".

Mesmo que não te apeteça vai, ok?!

Era só o que faltava!!!!!

ADEK disse...

Na minha casa, as fichas vêm aos pares...o que possibilita um comboio-extensão em cada uma, e já se liga tudo:P

Bloguótico disse...

- RITINHA + VÍCIO: se não for uma situação paradigmática disso mesmo, deve andar muito perto!

- VERA, A LOIRA: quer-me parecer que alguém teve um momentâneo curto-circuito! LOOL

- D.: bem me parecia... ainda assim, tinha de tentar a minha sorte!

Bloguótico disse...

- TERESA SANTOS: ah, bom... esclarecido! Realmente, tratar daqueles fios todos faz suar qualquer um! Quanto à intimação/convite, considera-a/o cumprida/aceite dentro de minutos! :)
P.S. Apetecer apetece sempre... poder é que já nem sempre!

- ADEK: hummm, estou a ver que tens tudo... sob carris! :p

Luzinha disse...

Isso explica tudo... é por isso é que estamos sempre em curto circuito!!! Ahahhaha

Estudante disse...

Acabei de ter um deja vu :P

Bloguótico disse...

- LUZINHA: e não é que pode mesmo ser por causa disso?! loool

- ESTUDANTE: pelos vistos, deste mal não sou mesmo o único a padecer! :p