quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Dança de rua!...

Se em tempos vos falei da dificuldade que é em manter um passo regular e rectilínio durante alguns metros sem esbarrar em alguém que caminha em sentido oposto ao nosso no passeio, por julgarem que devemos ser nós a desviarmo-nos deles e não o contrário, agora falo-vos das situações em que quem está prestes a cruzar-se connosco toma a iniciativa de desviar-se, mas simultaneamente ao nosso movimento... e para o mesmo lado! Sempre que tal acontece, a ultrapassagem não se completará sem que antes se verifique um balançar de corpos em uníssono, traduzido em repetidas passadas ora à esquerda, ora à direita... até que, numa tentativa de dar por finda aquela dança, decidimos não nos mexer para que a outra pessoa prossiga o seu caminho, contornando-nos! Porém, o que realmente se verifica é uma nova coincidência de pensamentos, pois nesse exacto instante a pessoa diante de nós opta pela mesma estratégia permanecendo também ela estática, até que algum de nós retoma a iniciativa do desvio e o baile recomeça... ainda que por breves momentos!

33 comentários:

Johnny disse...

Acontece-me às vezes. Constrangedor.

Gasper disse...

Aahaha muito bem descrito. Acontece-me muita vez, coisa parva.

NI disse...

E quando isso acontece é dar um sorriso e dizer: "vamos ver se agora não estamos de acordo".

:)

Bloguótico disse...

- JOHNNY: só não acontece a quem não anda na rua! :p

- GASPER: obrigado... tantas são as vezes em que tal me sucede que seria difícil não conseguir descrever a situação! :p

- NI: inevitavelmente, o sorriso acaba sempre por surgir... é verdade! :p

Karochinha disse...

Oh, oh, muito bem explicado, faltará porventura dizer: "vai um passinho de dança"?
A mim acontece-me....mas ianda ninguém se lembrou de me convidar para dançar!
Beijocas nossas ;)

Nokas disse...

É tão estúpido a quantidade de vezes que acontece...

TERESA SANTOS disse...

O menino dança?

Conheço uma escola de dança, óptima.

O menino quer o endereço?

É que não há necessidade de andar a fazer figuras tristes!...

Um belo tango, dançado na rua?...

Posso ir ver?

Vera, a Loira disse...

E enquanto isso toca o tango no nosso subconsciente.

S* disse...

Momentos embaraçosos. :P

Bloguótico disse...

- KAROCHINHA: pode dizer-se que vou aos treinos todos os dias, daí a explicação do momento ter fluido relativamente bem! :p
Insiste nas caminhadas e verás que não tarda estarás num bailarico de rua! :p

- NOKAS: é vertiginosamente recorrente, sem dúvida!... Eu que o diga!! :p

Bloguótico disse...

- TERESA SANTOS: danço, sim... mas apenas em situações como estas! Digamos que os meus pés de chumbo inviabilizam qualquer inscrição em qualquer escola de dança... e nem pensar nisso é bom! :p

- VERA A LOIRA: só nos falta a rosa na boca e o cabelo lambidinho puxado atrás! :p

- S*: andar na rua exige cada vez mais um particular cuidado... em todos os sentidos! :p

Candybabe disse...

Acontece-me imensas vezes... Não consigo evitar que saia um riso... É mais forte que eu*

O blog da S. disse...

Em relação a isso não tenho grandes problemas.
O meu maior problema é caminhar com o meu homem. As minhas pernas são mini e as dele são maxi.
Ainda para mais ele nunca lha para trás, e eu às vezes dou por mim já perdida.
Além do que para o tentara acompanhar, ouvem-se os meus saltinhos tic-tac sem parar enquanto ele dá um só passo ... Que mau.

A Minha Essência disse...

Risos... oh, oh... acontece tantas vezes (mais que o desejado). Aí, ou ficamos taralhocos e vermelhos com tal reacção do momento e nada dizemos, ou debitamos repetidas vezes um "desculpe, desculpe" - nunca descurando o rosto vermelho como só. Enfim, situações que até têm o seu quê. ;)

Sacaninha... :p

Bloguótico disse...

- CANDYBABE: só quem não dá umas boas passadas na rua não padece destes incidentes... depois, além do sorriso da praxe, é prosseguir caminho e esperar pela próxima dança! :p

- O BLOG DA S.: assim de repente, alvitro uma boa solução para ti: pedir-lhe colo quando passeias com ele! Por um lado, seria o fim do tic-tac... e por outro, não te cansarias! :p

- ESSÊNCIA: eu diria que, dependendo do "par" que nos calha em sorte, nem é tão constrangedor quanto isso! :p
O "desculpe... desculpe" - tal como o tão falado tímido sorriso - também não pode faltar, naturalmente! :)

desejo disse...

ahahah!Nem tem conta.
Se for com alguém do sexo oposto que justifique esta dança.


:)

Carla disse...

Isso é tão embaraçoso. Quando isso acontece depois farto-me sempre de rir!

Roxanne disse...

eu perco logo a paciência!
agarro na pessoa e mudo-a, segurando-a! :P

Cacarol disse...

Todos os dias me acontece o mesmo...

Corina de Oliveira disse...

Que tenhas uma excelente sexta-feira 13, sendo um fantástico início do fim-de-semana! :D
Beijos *

SuperSónica disse...

Isso acontece-me muitas vezes...eu sorrio e continuo o meu caminho...

Ritinha disse...

Acontece a toda a gente. Eu fico meia sem graça quando isso acontece LOL

só 1 mulher disse...

É das coisas mais engraçadas... que acontece com alguma frequencia..

1 beijinho

TERESA SANTOS disse...

O menino continua a dançar?
E não lhe doem as perninhas, não?!

É favor apresentar-se na blogosfera.
Com urgência!

Pés de chumbo?
Muito para além de...

Marta disse...

Há dias em que não tenho paciência para essa dança, por exemplo, nos hipermercados ao final do mês. Só dá vontade de andar à chapada com quem vem em sentido contrário ;)

Senhor Geninho disse...

É o jogo do espelho ao mais alto nível! Telepático!!

Felina disse...

E eu que pensava que só acontecia comigo...

Shell disse...

Eu quando estou a prever isso já fico logo quieta para evitar cá bailaricos :p * beijinho

Bloguótico disse...

- DESEJO: lá está... apesar de tudo é uma questão de oportunidade! Se for no momento certo, a coisa até pode não ser tão má quanto isso! :p

- CARLA: se rir é o melhor remédio, neste caso, é o sorriso! :p

- ROXANNE: bolas... já estou a ver o pessoal a ndar de cotocoveleiras e capacete, não vás tu exagerar na força da deslocação e fazê-los tombar! :p

Bloguótico disse...

- CARACOL + SUPERSÓNICA + RITINHA + SÓ 1 MULHER: a novidade é precisamente quando andamos tranquilos sem estas danças! :p

- CORINA: o dia 13 já lá vai... mas se bem me recordo, nem correu mal! :p

- TERESA SANTOS: o meu bailarico era outro... seja como for, correspondendo à tua solicitação, ainda que algo tardia, eis-me por cá de novo!... com os meus pés de chumbo! :p

Bloguótico disse...

- MARTA: nesses lugares faz como eu: "prego" a fundo e não pares nem te desvies do com o carrinho das compras! :p

- SENHOR GENINHO: quer-me parecer que poderia ter resumido todo o post nesses termos... economia de tempo e palavras! :p

- FELINA: não te julgues tão egocêntrica... toca a todos! :p

-SHELL: jogar na antecipação é sempre uma boa solução, realmente! :p

Luzinha disse...

Eu já no meu caso.... isto acontece propositadamente quando é um rapazinho jeitoso! ahahahhaahah

Bloguótico disse...

- LUZINHA: Não nos temos cruzado tantas vezes quanto isso! :p