domingo, 18 de julho de 2010

Tácticas e estratégias...

É com naturalidade que aceito e respeito a regra da cedência de lugar a pessoas mais velhas e portadoras de necessidades especiais, contudo não deixo de reparar em certos comportamentos no quotidiano na luta desesperada pelos lugares sentados!
Os mais velhos, apercebendo-se de que já não existem lugares vagos para se poderem refastelar e que nenhum dos sentados se dignam levantar-se, depressa engendram um plano para fazerem com que alguém lhes ceda o lugar!... Começam por expressar um ou outro suspiro seguido de um ou outro gemido!... Ou, então, provocam simplesmente o contacto, ainda que de leve, seguido de um pedido de desculpas!
O caricato da situação é que depois de conseguirem a atenção de quem estava sentado e destes lhes oferecerem o lugar, quase que é preciso fazer-se um requerimento ao Tribunal para que aceitem a "oferta", pois insistem em dizer que estão bem de pé... embora acabem por se sentar, inevitavelmente!
Os mais novos, por seu turno, embora em desvantagem, também são capazes de ser criativos nesta área, principalmente se se fazerem acompanhar por um bébé! Ainda que o pequenote se encontre sossegado na respectiva cadeirinha, isso não é obstáculo para que o adulto consiga um lugar sentado! Nada como tirá-lo da cadeirinha e pegarem-lhe ao colo! É lugar sentado, na hora!
Por fim, aproveitando as palavras da Lia, sempre que ponderarem ceder o vosso lugar, certifiquem-se de que a pessoa mais velha é, realmente, mais velha... e que a grávida está, realmente, grávida! Caso contrário é capaz de dar bronca! :D

39 comentários:

Quando e como eu quiser disse...

É bem verdade. Por vezes os velhinhos ficam simplesmente especados a olhar para nós como que a quererem dizer "olha que eu estou aqui a olhar para ver se lenvantas daí o rabinho, porque eu sou velho e tenho mais direito, essas pernas ainda tão boas para criar varizes, as minhas é que não". É quase que uma obrigação social.

Shell disse...

Estas situações são daquelas capazes de me tirar do sério ! E é raro eu ceder o lugar nos transportes públicos... Apenas quando vejo a incapacidade senão vão de pé que se estão cansados de andar a passear, eu estou cansada de estudar e trabalhar :x *

Megan disse...

Isso é verdade. É raro acontecer-me algo do género. Mas quando estou num local e não há mais lugares livres, por vezes não me custa levantar-me e deixar a pessoa sentar-se.. mas depende do estado e isso.
Umas das coisas que me irrita, mas irrita mesmo.. é quando não há mais lugares disponíveis.. mas no entanto tem pessoas que ocupam os lugares só com tralha.. malas, sacas.. saquinhas, e tudo mais. -.-

Bells disse...

Verdade!
E quando é nas filas?
Lá na terrinha dos meus avós, há uma camioneta para levar as pessoas à feira. Até podem lá estar 10 pessoas, mas quando vem a carrinha há sempre uma velha de barba rija a correr para ser a primeira a entrar!
XD

beijinhos

BS of Life disse...

Anda tudo a ver se se dá bem, é o que é!

Cloudman disse...

São ténicas...

pink poison disse...

Ando de carro...

Nuvem disse...

não sejas mau com os pais com bebés... é o meu caso :)
mas se a bebé estiver bem no ovinho eu não a tiro de lá... senão depois não há quem a coloque lá de novo.
quanto à cedência do lugar... honestamente não me custa nada dar e por norma (quando andava de transportes) levantava-me logo, sem ser necessário esse teatro deles... eles já tem muitos anos nas pernas e eu, por muito cansada que estivesse, respeito isso (questão da educação que tive).
então grávidas, pessoas com crianças de colo (mesmo que não estivessem ao colo), para mim sempre foram prioridade.
mas, mais uma vez reforço, é uma questão pessoal, da forma como fui educada
e, honestamente, lamento que eles tenham de recorrer a essas técnicas para conseguirem um lugar... ainda penso que a idade avançada (para cima dos 70) devia dar mais regalias e respeito do que o que dá...
lamento se vou contra a corrente, mas eu sou assim...

Ritinha disse...

As pessoas são mesmo assim. São comodistas e estão sempre à espera que os outros façam alguma coisa por elas!

a Gaja disse...

Raramente ando de transportes públicos mas lembro-me de isso acontecer nos autocarros...por isso quando só havia esses lugares livres nem me sentava.

Lady Me disse...

Não me lembro de ter cedido lugar alguma vez. E essas cenas, a mim fazem-me rir. Principalmente as pessoas que estão quase 3min a dizer que não e acabam por se sentarem e depois saem logo.

Bloguótico disse...

- QUANDO E COMO EU QUISER: como disse na introdução ao post, aceito que se ceda o lugar àquelas pessoas... apenas destaco é o método que utilizam para o conseguirem, quando a iniciativa não parte de quem está sentado! :D

- SHELL: evidentemente que cansaço todos têm... sejam novos ou mais velhos, tenhamos ou não alguma limitação!

Bloguótico disse...

- MEGAN: a mim também não me custa nada e acho que o devo fazer! Aliás, por vezes, chego mesmo a nem sequer me sentar onde quer que seja precisamente para "evitar" levantar-me no minuto seguinte para ceder o lugar!
O caso da tralha é grave, de facto... Se a querem "sentar", então que fiquem eles de pé!! :S

- BELLS: LOOOL... faz-me lembrar os momentos em que eu esperava pelo bus na escola, em puto! Até mochilas se deixava no local de paragem do autocarro para "reservar" lugar! LOOOL

Bloguótico disse...

- BS OF LIFE: tentar não custa! LOL

- CLOUDMAN: há que puxar pela imaginação! Obrigado pela visita! :D

- PINK POISON: a situação do post não se resume aos transportes públicos, por exemplo!! Seja onde for, situações como estas estão sempre a acontecer... nas finanças ou segurança social, por exemplo!!

Bloguótico disse...

- NUVEM: quanto à situação do bébé... considera que a pessoa em causa não era pai dele, mas sim tio, por exemplo! LOOL
Em relação à cedência, concordo contigo, evidentemente! Acho caricato é ao "teatro", como dizes, que por vezes alguns têm de fazer para conseguir o lugar! :D

Bloguótico disse...

- RITINHA: comodismo ou não, situações como estas são inevitáveis!

- A GAJA: acontecia-me o mesmo... já prevendo a possibilidade de ter de me levantar para ceder o lugar, nem me sentava também!:D

- LADY ME: precisamente! Por vezes dá para rir, mesmo! :D

Paginas Frias disse...

Eu nunca me sento nos lugares reservados a invalidos, gravidas, etc. Tal como nunca me meto nas caixas de atendidmento prioritário ou algo do genero.

Se estou sentada e se chega alguém com um ar de "vou morrer no proximo minuto se não me deres a TUA cadeirinha" eu cedo à pressão... deus me livre de ter às costas "a morte em pé à espera de um lugar de um velhinho"

Vera, a Loira disse...

Eu normalmente dou de bom grado o meu lugar a pessoas idosas, grávidas e por aí.

Vou já dizer ao meu amigo para colocar este teu plano em prática, enquanto pode.

Vaca na Lua disse...

Eu era, e sublinho era, uma pessoa que voluntariamente cedia o espaço em transportes ou noutros sítios. Mas agora isso já é raro, pois uma das vezes que o fiz a situação tornou-se numa verdadeira peixarada... Talvez um dia te conte essa...


Bjito directamente da Lua

Lia disse...

uma vez levantei-me para dar o lugar a uma senhora mais velha, que quase me bateu pq não era velha nenhuma e ia muito bem de pé...

de outra vez, tentei dar lugar a uma grávida, que afinal estava só gorda!

Depois disso... vou tão bem sentadinha!

Poetic GIRL disse...

É a lei da sobrevivência, ah pois é... vale tudo! lol... beijoca

A minha essência disse...

Vou dizer o que me disseram: "O mundo é dos espertos!"
Acho que te deves lembrar desta frase que até postei no blog.
Enfim... é o mundo que temos!... :S

Belinha disse...

já não sei o que é andar de autocarro desde que terminei a universidade lol era um riso com as velhotas a quererem ser as primeiras a entrar e ficarem todas juntinhas para "tricotar" na vida dos outros...e ai de quem pedisse para se sentar ao pé delas!!! era logo fuzilado com o olhar LOL

Olhos Dourados disse...

São tácticas, mas se realmente precisam mais do que nós, acho justo!:p

Bloguótico disse...

- PÁGINAS FRIAS: vejo que contigo, velhinhos, doentes e afins estão safos... sem necessidade de teatros! Obrigado pela visita e sê bem-vinda ao "crónica"! :D

- VERA, A LOIRA: humm... em vez de "Vera, a Loira", deverias ser "Vera, a Generosa"! :D
Boa sorte para o amigo... depois ele que me agradeça a dica! LOL

- VACA NA LUA: estou a ver que até na Lua há "peixes"! LOOL
Aguardarei por esse dia! :D

Bloguótico disse...

LIA: eheheheheh... como é que não me lembrei disso no post! Bolas! LOOOL
De facto, dadas as circunstâncias se calhar é mais seguro ficar-se quietinho!! LOOL

- POETIC GIRL: completamente, reina a lei do mais forte... perdão, mais rápido... a conseguir um lugar primeiro! LOOL

- A MINHA ESSÊNCIA: lembro, sim... e neste caso terei de concordar contigo!!

Bloguótico disse...

- BELINHA: a luta pelos primeiros lugares da fila por vezes conseguia ser mais emocionante que um combate de box! LOOOL

- OLHOS DOURADOS: há que fazer pela vida! Obviamente, é de bom tom ceder o lugar... ainda que possamos correr os riscos que a Lia explicou no respectivo coment, se não estivermos atentos! LOOL

Belinha disse...

LOL podes crer. Havia de ser lindo ver uma velhota destas a lutar com um John Cena por causa de um lugar no autocarro...ainda a WWE não se lembrou disto. Audiências garantidas!

Natural.Origin disse...

28...

Sorriso:)

Sara* disse...

Eu normalmente cedo o meu lugar a pessoas chamadas de isosas ou grávidas, mas se começam logo com as bocas eu passo-me.
Uma vez uma velhinha chegou ao comboio e eu ia-me levantar para ela se sentar, a boa da velhota começa logo a dizer que nao sou eu que tenho de me levantar pois o meu nao e reservado para ela, e eu disse-lhe que nao fazia mal, e começa a refilar por os outros nao se levantarem.
Eu perguntei se a senhora queria um lugar ou arranjar confusao e ela anda se virou a mim..... a gritar que eu era mal educada.
Nao tenho paciencia fui embora para outra carruagem

LopesCa disse...

lol pois eu depende da pessoa
se for uma senhora velhota ou uma grávida dou logo
é verdade e pessoas com crianças ao col

Sei Lá! disse...

É por post's como estes que quando fores velhote ninguém te vai dar o lugar!

A minha essência disse...

Deixei um e-mail. Não sei se viste... :S
Contudo, é para dizer que gostei bastante do link. ;)
Confesso que quando vi o link pensei que seria algo parecido ao teu humor, mas vá lá... o bloguótico se portou bem! LOL

Beijo ;)

Bloguótico disse...

- BELINHA: felizmente para o Cena (ainda) não se cruzou com nenhuma dessas senhoras!!! Fica a sugestão... pode ser que os senhores da WWE leiam o "crónica"! LOOL

- NATURAL.ORIGIN: obrigado pela visita :D

- SARA*: por vezes, por mais prestáveis que possamos ser acaba sempre em barraca! :S

Bloguótico disse...

- LOPESCA: e se a criança estiver ao colo mas por interesse do adulto que a transporta, como na situação que relato no post?! Não acredito que o fizesses! :D

- SEI LÁ!: quem é vivo sempre aparece!... ainda que para me deitar logo abaixo! Pois fica sabendo que vou andar sempre com uma cadeirinha portátil, pelo sim e pelo não! LOOOL
Sê bem regressada! :D

- A MINHA ESSÊNCIA: acabei de o consultar!! Obrigado! Reitero o que nele disse... ainda bem que gostaste! Enfim... foi a minha mania de querer ter piada em tudo! Desculpa as dores! LOOOOOOL

Luzinha disse...

A luta por assentos no bus é, por vezes, uma autencia BBC VIDA SELVAGEM!! Ahahhaahahhaha

Já não ando de bus (pelo menos por agora) mas gosto de ser simpática e bem educada! Por isso sempre que posso dou prioridade aos mais velhos e às gravidas!

Bloguótico disse...

- LUZINHA: já aí vi episódios de acasalamento entre leões e macacos menos violentos do que essa luta por lugares! LOOL
Ah, quem diria que seria possível reunires as qualidades de que falas?! LOOL

Luzinha disse...

AHhahahhahahaha
Essa parte final do teu comentário foi... foi... é assim meu menino, é claro eu tenho estas qualidades (e muitas mais) para as pessoas que merecem! Por isso é normal nunca tenhas tido o privilégio de as receber da minha parte! AHahhaa

Bloguótico disse...

Autch, Luzinha! :S