sexta-feira, 2 de julho de 2010

Diga-me que estou MUITO mal!

Se no último dia de Junho critiquei estes profissionais de saúde, no segundo de Julho vou defender a classe! Perguntem-me qual a profissão cujo desempenho tem um maior risco associado e, prontamente, vos responderei: MÉDICO! Falo a sério! Ponham-se no lugar de um médico e atrevam-se a gorar as expectativas do paciente e logo verão o que vos acontece! Já imaginaram se um paciente, por norma de idade mais avançada, depois de consultado pelo Sr. Doutor, ouve este dizer-lhe que não está são... que não tem com que se preocupar!... Para ir para casa descansado, porque não tem nada de grave!? Que tem uma saúde de ferro?! Creio que não é preciso ser-se médico para se perceber que o "Xotôr" iria passar um mau bocado!... e eles, sim, passariam a precisar de acompanhamento médico! Acham mesmo que o paciente, depois de ter passado horas na sala de espera a competir com os demais pelo posto de ser humano mais debilitado à face da terra... enumerando doença atrás de doença... dor atrás de dor... medicamento atrás de medicamente... "ais" e mais "ais", ia aceitar de ânimo leve aquele diagnóstico tão saudável?! Obviamente que não!...
O momento que se segue à consulta é tão, ou mais, importante que aquele que a antecede! Aliás, estou convencido que sair do consultório de mãos a abanar, sem qualquer receita para orgulhosamente exibir perante os que aguardam pela sua vez, é a maior humilhação por que estes pacientes podem passar!
Meus caros, acredito que deve ser mais fácil convencer um miúdo de tenra a idade a comer a sopa e convencê-lo de que lhe faz bem, do que um médico convencer um paciente de que não vai precisar de passar pela farmácia para aviar uma receita!...

18 comentários:

Nuvem disse...

E como tens razão :)
Infelizmente tive alguns problemas de saúde que me obrigaram a passar vários dias nos centros de saúde à espera das baixas... e é um festival!
ver quem tem mais doenças, quem tem mais familiares doentes, quem conhece melhor o médico e os seus hábitos, os medicamentos...
honestamente, se uma pessoa passar tempo demais nessas salas de espera acaba por ficar hipocondríaca...
eu já ria quando entrava no gabinete do médico, mas esperava sempre que ele dissesse que já estava bem e podia ir embora (o que ainda demorou tempo)
beijocas e bom fds

Vera, a Loira disse...

Tens toda a razão. E posso dizer que é a profissão que mais admiro. Aliás, comecei a admirar cada vez mais quando comecei a privar com um médico mais intimamente e ouvi algumas histórias.

Ana disse...

Há pessoas que têm uma tendência natural para o drama, e não são só pessoas de uma certa idade. Eu vejo muito pessoal novo por aí que, por qualquer coisinha, imagina-se logo a morrer.

Belinha disse...

ora aqui está um post com o qual concordo em absoluto :)

Roxanne disse...

acredita. como futura representante da classe so posso dizer que não há nada mais temivel que uma velhota furiosa pela incompetência de um médico dizer lhe que está óptima e vende saúde!

Ritinha disse...

a brincar a brincar, isso é bem verdade... é que o pessoal parece que gosta de tomar medicamentos --'

BS of Life disse...

Tudo depende da mentalidade quer do paciente quer do médico. Há uns a serem defendidos, outros nem por isso. :p
O pior ainda penso que sejam pais hipocrondíacos! Medo!

BS of Life disse...

*hipocondríacos!

Bloguótico disse...

- NUVEM: exactamente, "festival" é capaz de ser o termo mais indicado!
A dada altura é um "festival" de nomes de medicamentos e doenças que já nem se percebe quem é médico ou doente!! LOOL

- VERA, A LOIRA: vida de médico não é fácil, acredito... nem antes nem depois se o ser!! :S

- ANA: e quando o drama não existe, elas tentam a todo o custo fazer com que passe a existir!! :S

- BELINHA: obrigado!... Alguma vez teria de dizer algo acertado! LOOOL

Bloguótico disse...

- ROXANNE: então percebes perfeitamente o busílis do post, Sr.ª Doutora!! Boa sorte quando exerceres... vai-te preparando para situações destas! :D

- RITINHA: precisamente! Uma ida ao médico e a desnecessidade de passar pela farmácia é entendida por muitos como uma ofensa!!! Uns ficam em casa a ver "As Tardes da Júlia"... outros vão até às urgências "sacar" medicamentos! :S

- BS OF LIFE: de hipocondríaco todos temos um pouco... depois há é os que exageram!!!

mjf disse...

Olá!
ehheh
Como eu te entendo :=(((
Além do que dizes, há ainda o facto
de na privada ( consultorio ) se não dermos medicamentos caros...não prestamos !!!
Verdade.

Beijocas

ADEK disse...

Bem verdade! E vê lá, cuidadinho com o que dizer dos médicos... pff:P

Bloguótico disse...

- MJF: aparentemente, careza é sinónimo de competência!! :S

- ADEK: como pediste com jeitinho... nem sequer vou fazer alusão ao post publicado sobre os mesmos, antes deste, Doutora! LOOOL

Quando e como eu quiser disse...

É verdade! Há por aí muita gente hipocondríaca!

Bloguótico disse...

- QUANDO E COMO "TU" QUISERES: como diria o Herman: "paletes... resmas... de hipocondríacos"! LOL
Obrigado pela visita e sê bem-vindo ao "crónica"! :D

Quando e como eu quiser disse...

Bloguótico, venho agradecer-te a visita ao meu recente blog. Obrigado pelos comentários que por lá deixaste. Li-os todos, aceitei-os, mas o blogger não deve estar nos seus dias e eliminou-os, qual obra e graça do Espírito Santo! Portanto, nada de amuos, que os próximos serão guardados a 7 chaves. Peço-te só que me deixes novamente o link do tal blog que tinha um post a falar do fim do mundo para eu ler sff.

Quando e como eu quiser disse...

Afinal o blogger avariou mesmo e o mal é geral. Os comentários desaparecem.

Bloguótico disse...

- QUANDO E COMO EU QUISER: como tinha dito, aprecio aquela tua escrita! Em relação aos coments, de facto o blogger tem-se armado em chico-esperto... mas pelo que me apercebi os meus coments já se encontram visíveis pelo que me escuso a deixar o referido link novamente, reiterando que vale mesmo a pena ler! A "Sininho" este realmente muita bem! :D