terça-feira, 3 de agosto de 2010

Crianças!... O terror dos animais!!

Se, por um lado, se aceita que a generalidade do comum dos mortais gosta de crianças, acredito que o mesmo não poderá dizer a generalidade do comum dos... animais! Estranho?! Depende da perspectiva com que abordam o assunto! Certamente, já assistiram a situações em que, enquanto brincava com um qualquer animal, normalmente um cão ou um gato, a criança cai e desata aos berros, chorando e lavando-se em lágrimas até mais não... quase ficando sem ar, tão aflitiva se torna a sua respiração e repetido o seu soluçar! Ora, nestes casos, qual a melhor solução para acabar com a choradeira?! Precisamente! Centrar as atenções da criança no pobre do animal que, até então, apenas estava a cumprir o seu papel de "saco de boxe"... e sabemos bem o quanto isso lhes pode custar, só de imaginar! E qual a melhor forma para centrar a atenção da criança no animal, então?! Pois... Começar a insultar o bicho dizendo-lhe que é feio e mau, ao mesmo tempo que se-lhe puxam as orelhas e a cauda... se-he atira água para cima... se -he enfia o cesto das molas da roupa na cabeça ... ou se-lhe ata um fio no rabo arrastando qualquer coisa a ele atado... se-lhe agarram as patas e é erguido no ar... até que a criança comece a dar sinais de retoma do seu estado normal e recomece, ele próprio e de novo, a tortura do animal... apertando-lhe o pescoço e os olhos... pegando-lhe pela zona da barriga esmagando-o contra o seu corpo, enquanto o arrasta pelo chão... pondo-se-lhes às suas cavalitas... puxando-lhe o pêlo e os bigodes... até que volta a cair e desata a chorar e ... o ciclo repete-se, para mal do animal e felicidade da criança!

33 comentários:

Vera, a Loira disse...

Fiquei tliste agora. E não me enganei, não era triste, era mesmo tliste, que na linguagem da Loira é a fazer beicinho.

Tadinho do animal...

Anónimo disse...

O mais engraçado é que os putos enquanto assistem à tortura do animal não sabem se hão-de continuar a chorar mesmo que não sintam já os efeitos da queda, ou se desatam a rir enquanto limpam as lágrimas! LOOOL

Di disse...

Isso é horrível. E o pior é que IMENSAS pessoas fazem isso! Se antes adoravam o animal, agora passou para quinto plano porque a criancinha vem a frente. Em vez de ensinarem os filhos a valorizar o que os rodeia e a tratar todos com respeito. Gente estúpida e com os valores todos fodidos.

Quando e como eu quiser disse...

É bem verdade. E ninguém repreende a criança. É sempre o pobre do animal que ali está sogadito que arca com as culpas, que é mau e que merecia estar preso.

Ritinha disse...

animal sofre --'

MM disse...

Sou mais adepta de se fazer isso às crianças!!!!... Acho mais engraçado!...

Pronto... As crianças podem chorar, espernear, gritar... Os animais não se podem defender, e quando se defendem são logo uns assassinos, enviados para os canis de abate.

Humanos... Pfffft

Belinha disse...

Bicho sofre...

Sara* disse...

Isso tudo depende das pessoas e das crianças, a minha sobrinha tem 3 gatos em casa e eu tenho uma cadela e ela nunca lhes fez mal nenhum nem os animais foram massacrados por causa dela lolll

é tudo uma questão de os colocar no mesmo patamar e nunca deixar a criança fazer mal aos animais.
Os animais são nossos amigos :)

Poetic GIRL disse...

Os meus pais nunca nos deixaram fazer isso aos animais, é tudo uma questão de ter alguém que nos dê o exemplo... bjs

Denise Luz disse...

Ri-me mesmo muito com este post. É que é mesmo verdade; as crianças esmagam os pobres animais, coitaditos. E então quando são gatinhos ou coelhinhos bebés, estou sempre a ver quando o animal se parte a meio.

lol

Bom post! :)

**

Fátima disse...

Aii que horror!!!

Eu sempre adorei tanto os meus animais que quando vinham crianças cá a casa eu colocava-os noutro sitio, ou então andava sempre atrás das crianças para não lhes fazerem mal.

Não gostei :(.

Bloguótico disse...

- BLOGUOTICANEANOS: antes do mais, é com alguma surpresa que constato que de um post meu retiram conclusões sérias, fosse ou não essa a intenção deste post!... Ando a superar-me!... ou então, a ficar doente!! :D

Bloguótico disse...

- VERA, A LOIRA: não foi essa a intenção, "Loila"!... mas de facto, se calhar é por isso que se diz que o cão, por exemplo, é o melhor amigo do Homem... e não da criança! :S

- ANÓNIMO: lá está... putos mimados!... mas a verdade é que se faz kk coisa para os calar... ainda que à custa do animal!

- DI: sim... contudo, creio que todos nós não só assistimos a cenas destas como também as vivemos em criança!

Bloguótico disse...

- QUANDO E COMO EU QUISER: ninguém as repreende, nem tem legitimidade para o fazer... afinal de contas, a iniciativa parte do adulto que com elas esteja! Qualquer coisa serve para as calar... ainda que seja à custa de um cão ou um gato!

- RITINHA + BELINHA: especialmente nas "garras" de uma criança de tenra idade!! :S

- MM: não sei se seria mais engraçado, mas certamente que um ou outro cão/gato pagavam para ver! LOL

Bloguótico disse...

- SARA*: com certeza... esses três gatos deveriam jogar no Euromilhões, pois são uns sortudos!! LOOL
Já dizia o Avô Cantigas: "vamos fazer amigos entre os animais"! :D

- POETIC GIRL: e na maioria dos casos, o exemplo é dado mostrando como devem "brincar" com o animal... ou andar com ele pendurado pela cauda! :S

Bloguótico disse...

- DENISE LUZ: obrigado! Um puro relato do "pensamento quotidiano animalesco", acredito! LOL
Em puto cheguei a ter uns 13 gatos em casa... e a minha principal preocupação era fazer com que ao final do dia os continuava a ter, depois da visita de uns primos!! :S

- FÁTIMA: percebo-te perfeitamente! Crianças e animais "bebés" não deveriam compartilhar o mesmo espaço, sob pena de se assistir a um milagre da multiplicação... ou melhor, da divisão de membros dos ditos! :S

Luzinha disse...

Ai que horror... jamais faria um coisa destas ao meu SPOT! Tadinho...

Luzinha disse...

ps: este titulo também pudia ser... "Luzinha!... O terror do Bloguótico!!" AHahahahhahaha

guida disse...

Bem, as crianças parece que têm o diabo no corpo, os pais uns ingénuos/parvos e os animais umas vitimas...

Tenho pena do animal. Gostava que houvesse uma lei que pudéssemos fazer o mesmo que eles fariam aos animais...pagar na mesma moeda.

Sissy disse...

Que horror... os meus gatos sofrem horrores na mão da minha afilhada... mas eu refilo é com ela. De informar, que eles também não se ficam...

Beijo****

...Ju... disse...

que animal foste tu noutra encarnação? conta! :P

Megan disse...

Pois é. As crianças torturam os pobres animais, pegam neles pelo pescoço, puxam-lhes o pêlo.. batem-lhes, atiram-nos ao ar, dão-lhes socos. E como referis-te que quando acontece algo e a criança começa a chorar e blá blá, para o bem dela.. alguns adultos culpabilizam os animais e dizendo "ai o cão (ou outro animal) mau, dá-lhe tau tau" .. e batendo no pobre coitado que apenas estava ali a fazer o seu serviço..! É verdade. Mas pronto são crianças pequenas.. já as grandes por vezes fazem pior :x

Anne disse...

Eu graças a Deus nunca vi isso acontecer, era capaz de agarrar na criança e fazer-lhr o mesmo a ver se gosta.

Hum, cheira-me que eras daqueles que faziam isso em puto :b

BS of Life disse...

Isso depende dos animais, eu sou defensora dos que se defendem. Uma boa arranhadela fazia maravilhas!

Nirvana disse...

Quando o meu filho era pequenino eu precisava era de defender o cãozinho!! Não que ele lhe batesse porque não batia, mas queria dar-lhe abraços de partir costelas.
Tirando elações sérias, é aí que começa a culpabilização de outrem pelos erros que cometemos e isso não é bom!

Sei Lá disse...

LOOOOOOOOOOOOOL
tiveste uma infância dificil!

Bloguótico disse...

- LUZINHA: o SPOT era o SPOT... e não permitiria tais abusos! :D
Quanto ao título alternativo para o post... não anda muito longe da verdade! LOOOL

- GUIDA: a Luzinha já sugeriu uma alternativa para o título do post, mas depois de ler este teu coment arrisco uma outra: "Guida!... O terror das crianças!" LOOL

- SISSY: como se costuma dizer, "quem vai à guerra, dá... e leva"! Obrigado pela visita e sê bem-vinda ao "crónica"! :D

Bloguótico disse...

- ...JU...: humm... pergunta difícil!! Devo ter sido um pouco de tudo... desde rinoceronte a papagaio! LOOL

- MEGAN: olha que não sei isso das crianças maiores fazerem-lhes piores coisas que as mais pequenas será verdade!... Estas mal se apercebem que os animais, se apertados em demasia, podem reagir!! Não têm noção do perigo! LOOL

- ANNE: temos defensora dos animais! :D
No meu caso, olha que não! Sempre gostei de animais... e não como sacos de boxe! :D

Bloguótico disse...

- BS OF LIFE: pois... nada que uma ou outra unha afiada não ajude a refrear os ânimos! LOL

- NIRVANA: esses "abraços" são o pior dos pesadelos dos animais! LOL
Quem diria que de um post meu se pudesse retirar kk ilação séria, mas concordo contigo! :D

- SEI LÁ: aparentemente! Também devo ter servido de saco de boxe algures no passado! LOL

Sophie disse...

A princesinha cá de casa tanto anda aos beijinhos e às festinhas ao cão, como lhe dá umas belas bofetadas (e isto pode alternar no espaço de segundos). Entao se ele teima em roubar-lhe a bolacha ou o bocadinho de pão...ui...

guida disse...

Sou uma querida para as crianças, até..... ao momento em que me imagino metê-las dentro de um saco de plástico e atirá-las contra a parede :s


eu não disse isto...

Senhor Geninho disse...

Pois é... quem disse que vida de cão é fácil?!

Bloguótico disse...

- SOPHIE: reformulo o título do post: "Princesinha da Sophie!... o terror do seu cão"! LOL

- GUIDA: woww... a criança que há em mim até ficou com medo de ti! :S

- SENHOR GENINHO: completamente!! Tudo menos cão! Bolas! :S